1 de agosto de 2009

O poeta não precisa ser triste...


O poeta não precisa ser triste
Basta versejar o que nele existe
Também a flor não precisa encantar
Tampouco o espinho machucar...

O poeta é a criatura que transforma
Com sensibilidade e sabedoria
A emoção que dele transborda
E, assim, nasce a poesia...

Portanto,
O poeta não precisa ser triste
Basta versejar o que nele existe!!

(Val)

2 comentários:

Simplesmente Amor disse...

Que então o Poeta sinta o quanto é bom ter uma amiga que escreve tão lindo assim!

Te adoro e admiro muito Val!

Beijos

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Incrível como suas palavras emocionam, Val...

Beijo grande.

Rebeca

-