25 de setembro de 2008

. . .




...
Muitos alegam cansaço;
Outros, desânimo.
Alguns profetizam ‘não ser o momento’,
Insistem em ‘adiar’, ‘deixar para depois’...
E, assim, a vida, fantasiada de tempo,
Impiedosa e irreverente
Vai devorando atitudes, palavras,
Momentos, sensações, sentimentos...
E a estrada deixa de ser um caminho
E os passsos transformam-se em ‘pegadas’...
E a voz esbraveja silêncio
E a palavra se perde, atrofia...
E os sentimentos ...
E os sentimentos???
Adormecem no desânimo, no cansaço
E ficam, sempre, para depois...

(Val ... 2008)

3 comentários:

By Mirele disse...

Esta de parabéns Val Cris ,pois se tem algo que gosto muito de ler ,são texto bem escritos ,e com alma ,estão lindos .Um grande abraço Mirele Vrãbiescu

Aline e Fabrício disse...

oi Val minha querida
te achei por acaso
estou te linkando no meu blog
te admiro muitão!

By Mirele disse...

Val minha linda obrigada pelo carinho em me lincar idem .
Muita luz linda!!!
Beijos Mirele