4 de outubro de 2008

HOJE, EU OFEREÇO ROSAS.





Ontem, deixei de oferecer rosas
Com receio de me ferir com seus espinhos..
Ontem, permiti que a vida escorregasse
Nos ponteiros do relógio
Por medo de viver intensamente
Cada minutos que me era presenteado.
Hoje, descubro que a sabedoria
Está em saber lidar com os espinhos,
Assim como com as dores
E obstáculos da vida.
Hoje, aprendi segurar rosas
E não me ferir com seus espinhos.

HOJE, eu ofereço ... rosas!


(VALéria CRIStina)

2 comentários:

lola disse...

Valeu a pena o orgasmo da minha flor nesta terra que a plantei. Lola.

Cidinha disse...

Meu anjinho amei o seu cantinho, seus poemas são lindissimos. Sabe...Tive a ousadia de pegar algúns poemas seus e formatar algúns cartões, fiquei encantada. Parabéns...Que Deus te abençôe. Amo poesias. Olha abaixo é os cartões na qual formatei. Espero que goste, foi feito com muito carinho.

http://lh4.ggpht.com/_MPfM2aNTFU8/SnDVboFlZ1I/AAAAAAAAAVk/TUX3ExOgsh0/s640/imagens%20de%20cidinha%200091.jpg


http://lh4.ggpht.com/_MPfM2aNTFU8/SnEkeRWl4_I/AAAAAAAAAWg/6v4yGzSJdLs/s640/IMAGENS%20DE%20CIDINHA%200092.jpg