4 de outubro de 2008

SAUDADE, SOLIDÃO, PC

ENCONTRO-ME EM STANDBY!
ANDEI RESETANDO MINHA VIDA
MAIS DO QUE DEVERIA.
DETONEI ARQUIVOS
E NÃO OS RESTAUREI DA LIXEIRA.

FORAM-SE...

CLIQUEI NA ESPERANÇA,
SUMIU A IMAGEM!
DEI UM PAGE UP, UM PAGE DOWN

E, NADA...

JÁ SEI!!
CAPS LOCK!!
QUEM SABE TU ME LEIAS MELHOR??

NÃO!
NADA DISSO!
DELETE, DELETE...
É MELHOR REINICIAR
NÃO QUERO MAIS FAZER LOG OFF
NEM DESLIGAR

POR ONDE TU ANDAS, HEIM??
DÁ-ME UMA FORÇA, VAI??
NÃO ME DEIXES AQUI EM STANDBY

TEM UM RELOGINHO
AQUI, NO CANTO DIREITO,
QUE MARCA O TEMPO DA MINHA SAUDADE

JÁ É TARDE...

TUDO BEM:
SE NÃO PODES ENTRAR POR AQUELA PORTA,
ABRAÇAR-ME, DAR UM BEIJO,
DIZER QUE ME AMAS...

PELO MENOS AJUDA-ME A CONFIGURAR
A PÁGINA DA MINHA VIDA?

SEJAS, PELO MENOS,
MEU PLANO DE FUNDO?
QUERO VER TUA FACE,
SORRIR OLHANDO TEUS OLHOS.

EI??
PORQUE TÃO DISTANTE ASSIM?

TUDO BEM...
EU TE ESPERO!

MAS, NÃO DEMORES!

CTRL ALT DEL?

NUNCA MAIS!

(Val)

25/07/2006

Um comentário:

lola disse...

Achei tão inteligente este poema. Você é realmente muito grande! Lola